CmdtAM VieiraBorges

 Major-General

João Jorge Botelho Vieira Borges

Nasceu em Luanda (Angola), a 2 de novembro de 1962, e ingressou na Academia Militar (AM), a 1 de outubro de 1979, onde concluiu a licenciatura em “Ciências Militares – Artilharia”.

É doutorado em “Ciência Política” (UAc), mestre em “Estratégia” (ISCSP) e mestre em “Ciências Militares” (AM). Entre os vários cursos que frequentou destacam-se: o “Curso de Estado-Maior” (IAEM), o “Curso de Defesa Nacional” (IDN), o “Curso Aberto em Ciência Política” (UCP), o Curso “Terrorism and Security Studies” (Marshall Center) e o Curso de Promoção a Oficial General (IESM).

Ao longo da sua carreira militar foi comandante de unidades de escalão Pelotão, Companhia/Bateria e Batalhão durante mais de oito anos (EPA, CIAAC e AM). No Estado-Maior do Exército foi adjunto e chefe da Repartição de Organização e Métodos da Divisão de Operações, durante cerca de cinco anos e delegado da Artilharia Antiaérea Portuguesa na NATO.

Na AM foi Professor (de Geografia Militar, Geopolítica, Relações Internacionais e Elementos de Estratégia), Coordenador de Grupo Disciplinar, Chefe de Departamento e Vice-Presidente (e fundador) do Centro de Investigação da AM (CINAMIL). Foi ainda Assessor de Estudos no IDN, em acumulação com funções docentes na AM.

Como Coronel, comandou o Regimento de Artilharia Antiaérea n.º 1 (RAAA1), entre 2006 e 2008. Entre 2008 e 2010 foi Assessor de Estudos e Diretor de Edições no IDN, em acumulação com funções docentes na AM. Entre julho de 2011 e novembro de 2014, como Coronel Tirocinado, foi Adjunto do Diretor de Ensino, Chefe do Departamento de Estudos Pós-Graduados da AM, Secretário da Comissão Coordenadora e membro do Gabinete de Apoio Técnico do Modelo de Governação Comum do Ensino Superior Militar, em acumulação com funções docentes na AM/ISCTE-IUL.

Como Major-General, foi 2º Comandante e Diretor de Ensino da Academia Militar, entre 5 de novembro de 2014 e 2 de maio de 2016, em acumulação com funções docentes (AM/ISCTE-IUL) e de investigação (CINAMIL-CHFLUL), e com a coordenação de Grupos de Trabalho no âmbito do Instituto Universitário Militar.

Tomou posse como Comandante da Academia Militar a 3 de maio de 2016.

É conferencista e autor de várias obras (22 livros – 9 dos quais como coordenador ou co-autor - e 113 artigos) nas áreas da Estratégia, História Militar e Segurança e Defesa.

É sócio efetivo e membro da direção da Revista Militar, sócio efetivo da Sociedade de Geografia de Lisboa, membro do conselho editorial da Revista Nação e Defesa e membro fundador do CEISTAD.

O seu registo disciplinar conta com dezasseis louvores, tendo sido agraciado com as seguintes condecorações: cinco medalhas de prata de serviços distintos, duas medalhas de mérito militar (1ª e 3ª classe), duas medalhas de D. Afonso Henriques (1ª e 2ª classe) e as medalhas de comportamento exemplar grau ouro e prata.

É casado com Ana Isabel Galrinho e pai de duas filhas, a Ana Rita e a Ana Sofia.