IMG 9015 resize

COMEMORAÇÕES DO DIA DA ACADEMIA MILITAR

O Dia da Academia Militar (AM) foi assinalado hoje, dia 12 de janeiro, em Lisboa, com um conjunto de atividades, as quais foram presididas por Sua Excelência o Ministro da Defesa Nacional (MDN), Professor Doutor João Gomes Cravinho e onde estiveram presentes o Chefe do Estado-Maior do Exército, General José Nunes da Fonseca, e o Comandante-Geral da Guarda Nacional Republicana (GNR), Tenente-General Rui Manuel Carlos Clero.

No presente ano, devido à crise pandémica da COVID-19, a efeméride foi celebrada em moldes diferentes do habitual e com um número reduzido de participantes, salvaguardando a distinção, a elevação e a sobriedade que caracterizam o cerimonial castrense, exaltando a história, as tradições, os valores e a cultura da AM. Assim, as atividades tiveram o seguinte programa:

- Missa de Sufrágio pelos antigos alunos e servidores da AM já falecidos, celebrada pelo Capelão da AM, Pe. Tenente-Coronel Borges da Silva, na Capela do Palácio da Bemposta;
- Honras Militares a Sua Excelência o MDN, por uma Companhia de Alunos, sob o Comando do Capitão de Infantaria, Diogo Guarda;
- Cerimónia de Homenagem aos Antigos Alunos Mortos ao Serviço da Pátria;
- Sessão Solene;
- Concerto pela Orquestra “Divino Sospiro” e pelo Coro da AM.

A AM, no cumprimento da sua missão, de formar Oficiais destinados aos quadros permanentes do Exército e da GNR, tem atualmente um total de 480 alunos (310 do Exército, 144 da GNR e 26 dos Países de Língua Oficial Portuguesa). Da oferta formativa fazem parte a Licenciatura e Mestrado em Ciências Militares, na especialidade de Administração e Administração da GNR e os Mestrados Integrados em Ciências Militares nas especialidades de Infantaria, Artilharia e Cavalaria; de Ciências Militares, na especialidade de Segurança; de Engenharia Militar; de Engenharia Eletrotécnica Militar, na especialidade de Transmissões; de Engenharia Eletrotécnica Militar, na especialidade de Material; de Engenharia Mecânica Militar; de Medicina; de Medicina Dentária; de Ciências Farmacêuticas e de Medicina Veterinária.

A AM comemorou 231 anos, como estabelecimento de ensino superior público universitário militar, herdeiro da Academia Real de Fortificação, Artilharia e Desenho, criada por D. Maria I, em 1790, escola onde se formou o seu Patrono, Marquês de Sá da Bandeira e que constitui a referência da nossa antiguidade como uma das academias de ensino superior mais antigas do mundo.

Imagens alusivas às comemorações. Selecione para ampliar: